page contents

Produção contínua em

Kostenlose Uhr fur die Homepage website clocks

Livros e Manuais para quem trabalha com textos

(*) Atualizado em 08/08/2017. Uma lista que não para de crescer. Algumas indicações de livros bons e imprescindíveis para q...

Livros publicados

Listagem atualizada (mais recente em 19/08/2017) com os livros que fiz a preparação e/ou revisão e que são publicados por diversas editoras ou autores independentes (não estão em ordem nem de revisão/preparação, nem de publicação):

Acesse a página ou clique para ver a lista completa. http://www.primaverarevisaodetextos.com/p/livros-revisados.html

Normalização ou Normatização

Os dois verbos acima por vezes são usados um pelo outro, indiferentemente, como sinônimos. A língua portuguesa permite o registro das duas formas, normalização e normatização.

Na Língua Especializada (que abriga a terminologia da área tecnológica) adotam-se, para a formação de termos técnicos, os critérios estabelecidos na norma ISO 704. A ABNT também adota esses mesmos princípios.

O termo normalização está em plena conformidade com esses critérios e seu uso está consagrado há 50 anos. Além disso, o conceito, quando bem definido, pode nortear o processo de formação de um termo de qualquer língua especializada, como é o caso de normalização.

Sobre normatizar, existem muitas dúvidas. A maioria das empresas brasileiras usa o verbo com o sentido de criar normas, estabelecer padrões. Entretanto, muitas organizações preferem o verbo normalizar. Provavelmente o normatizar foi criado para evitar confusões. Muita gente gostou, o verbo se propagou e o Aurélio registrou.

Ou seja, normalização é uma palavra que vem do verbo normalizar, sendo que normatizar/ normatização são termos que surgiram pelo senso comum.

Em biblioteconomia, por influência da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), usa-se normalização em lugar de normatização.


Aurélio
Normalizar [De normal + izar]. V.t.d. 1. tornar normal; fazer voltar à normalidade; regularizar. 2. Submeter à norma ou normas; padronizar. 3. Int. Retornar à ordem. 4. Voltar ao estado normal (Cf. normatização).

Normatizar [Do lat. normatus, p.p. de normare + sufixo izar] V.t.d. Estabelecer normas para. Submeter a normas (Cf. normalizar).


Priberam
normalização
s. f.
1.  Acto ou efeito de regularizar.
2. Disposição oficial com que se explica e se facilita a execução de uma lei ou decreto.

normalizar
(normal + -izar)
v. tr., intr. e pron.
1. Tornar ou ficar normal. = REGULARIZAR
v. tr.
2. Estabelecer norma ou padrão para. = PADRONIZAR, UNIFORMIZAR

normatizar
(norma + -t- + -izar)
v. tr.
Estabelecer norma ou padrão para. = NORMALIZAR, PADRONIZAR, UNIFORMIZAR


Michaelis
normalização
nor.ma.li.za.ção
sf (normalizar+ção) 1 Ato ou efeito de normalizar. 2 Disposição oficial com que se explica e se facilita a execução de uma lei ou decreto; regulamentação.

normalizar
nor.ma.li.zar
(normal+izar3) vtd 1 Tornar normal; regularizar: O governo revogou o racionamento, normalizando o comércio. vpr 2 Reentrar na ordem; voltar à normalidade: Cessaram as greves, normalizou-se o trabalho.
normatizar
nor.ma.ti.zar
(norma+izar3) vtd Estabelecer normas para. Cf normalizar.




REFERÊNCIAS

PEREIRA, V. R. Normalização ou Normatização. Disponível em: <http://www.abtg.org.br/index2.php?option=com_content&do_pdf=1&id=212> Acesso em: 31/01/2012.

PRIBERAM. Normalização, normalizar, normatizar. Disponível em: <http://www.priberam.pt/dlpo/Default.aspx> Acesso em: 31/01/2012.

MICHAELIS. Normalização, normalizar, normatizar. Disponível em: <http://michaelis.uol.com.br> Acesso em: 31/01/2012.

REZENDE, J. M. Normalização, Normatização. Disponível em < http://usuarios.cultura.com.br/jmrezende/normatizar.htm> Acesso em: 31/01/2012.


Editado e Revisado por Alessandra Angelo.

2 comentários:

  1. Sugiro que a ABNT atualize, modernize e normalize sua linguagem, assumindo a tendência mais lógica e enriquecedora da língua portuguesa falada no Brasil, que é de entender normalizar como o ato de obedecer, entrar em conformidade com as normas, e normatizar como o ato de criar, elaborar, desenvolver normas. Outras agências do governo já o fazem assim, como a CNEN.

    ResponderExcluir
  2. Pedro,
    Muito obrigado!
    Seu comentário teve uma explicação muito mais objetiva e clara, do que vários textos que já li sobre o assunto.

    ResponderExcluir